Doçura poética

 


E por falar em cana-de-açúcar, a lembrança de Dom Helder Câmara é sempre atual: “Há criaturas como a cana: mesmo postas na moenda, esmagadas de todo e reduzidas a bagaço, só sabem dar doçura”.

Próxima Postagem
« Prev Post
Próxima Postagem
Próximo Post »
0 Deixe seu comentário!