Cenibra em alta


O novo diretor-presidente interino da Cenibra, Naohiro Doi, pode ganhar ainda mais pontos com o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, no apoio parceiro contra a extinção de várias espécies de aves no Vale do Aço, onde a empresa atua. Vários ambientalistas presentes à solenidade de ratificação do Acordo de Paris, pelo presidente Temer, estiveram depois no gabinete do ministro em nome desta causa nobre. Liderados pelo ator e também ativista ambiental Victor Fasano, eles não apenas elogiaram como também se
disserem preocupados com o futuro do  “Projeto Mutum”, sediado e patrocinado na sua RPPN Fazenda Macedônia. Desde 1990 ele é desenvolvido pela Crax, entidade não governamental
dirigida por Roberto Azeredo, um dos mais importantes especialistas em reintrodução de fauna silvestre do país. Ambos, empresa e criador, já foram várias vezes premiados por isso. Diante da devastação crescente ao redor das florestas protegidas pela Cenibra, os ambientalistas querem que ela aumente o seu apoio.

Imagens: 
1. Bruno Girin
2.Divulgação
Próxima Postagem
« Prev Post
Próxima Postagem
Próximo Post »
0 Deixe seu comentário!