Na trilha dos quatis




É o nome do novo e audacioso projeto de corredores ecológicos abraçados
pelas prefeituras de BH e Nova Lima, com apoio da Semad, através do IEF. Além de unir, primeiramente, todos os parques e fragmentos de biodiversidade ao redor da Serra do Curral, a ideia é abranger todos os mosaicos de flora e fauna existentes e a serem criados, até a Serra da Piedade, na versão leste. A informação é do diretor do Parque das Mangabeiras, Homero Brasil. Ao estudar um recente monitoramento por controle remoto dos quatis que vivem no parque, os funcionários confirmaram que eles passeiam, vão e volta sem problemas até o ponto mais alto da Região Metropolitana. Ou seja, nem tudo está perdido. Pelo contrário, muitas das demais espécies de animais podem fazer o mesmo e devem ser protegidas, bem como a flora reconstituída até lá.
Próxima Postagem
« Prev Post
Próxima Postagem
Próximo Post »
0 Deixe seu comentário!